FISL 8.0 – Primeira parte

11.04
Madrugada. Chegada em Porto Alegre. Táxi, casa da irmã, cama.
Manhã. Ajeitar modem adsl e access point (que ninguém é de ferro, oras). Depois, fazer a apresentação pro WSL.
Meio dia. Irmã em casa. Saímos para almoçar, micro-passeio pelo centro, mega-refeição, R$7,50 buffet livre, com sobremesa (sorvete). Barriga dói. Voltamos pro apartamento, passando antes na Toca do Disco (que está fechada). Apresentação ainda em branco.
Lá pelas 4 e pouco da tarde. Indo pro aeroporto. Ônibus passa na frente do apartamento e deixa na frente do aeroporto. Mordomia, exceto pelo fato de que o ônibus parece que vai desmontar cara vez que pára (ar condicionado, pelo jeito). Mais um tempinho esperando o avião chegar e lá vem as manchinhas vermelha e preta. Eram Pacu e GG, este último em sua primeira viagem de avião. Apresentação ainda em branco.
Noite. Conexão WiFi zoada (culpa do note do Pacu, que não suporta WPA). Access point resetado, sem criptografia. Gambiarra é o nome da nova rede. Pizza. Banho.
Apresentação ainda em branco. OpenOffice aberto, artigo aberto, a canvas ainda em branco. Rola certa emoção, pensando que aquela brancura toda significa um mundo sem limites para a minha criatividade.
Meia hora depois. Termino de ler os RSS atrasados. Apresentação ainda em branco. Hum. Hora de trabalhar.
Mais meia hora. Apresentação aparentemente pronta. Algumas pequenas melhorias na disposição do texto. Salvar em PDF, copiar pro 770, Cama.

12.04
Manhã. Algumas acordadas durante a noite, carros passando na rua pareciam chuva. Logo surge a preocupação de ter de tomar táxi até o evento. Preocupação infundada, dia nublado mas nem sinal de chuva. Saída cedo para ir ao local do evento, que fica longe.
Quinze para as nove. Palestra inicia às 10 horas da manhã, mas já estamos com crachá na mão. Algumas pequenas verificações no conteúdo do kit FISL, separar propagandas que não interessam, lixo.
Nove e meia. Entro no hall principal, e erro a sala da minha palestra. D’oh. Depois de achar a sala certa, primeiro a chegar. Aguardar.
Dez e quinze. Chegam mais dois palestrantes. Nada da coordenação do WSL. Mais alguns minutos e chega Marinho, coordenador do WSL, mas não da mesa. Aguardar. Aparentemente primeiro palestrante não veio, logo devo fazer a primeira. Copiar palestra do 770 pro note, abrir, aguardar início.
Dez e meia. Agora vai. Início da palestra. Algumas gaguejadinhas, coloco a mão no bolso antes de me dar conta que não é o recomendado. Palestra flui bem. Lucas aparece na entrada, cumprimenta e tira uma foto. Devolvo o cumprimento com um aceno de mão, o que deve ter parecido estranho pra quem está assistindo à palestra (pouca gente, basicamente Pacu e GG, Petro e seu irmão e os palestrantes). Enrolo-me um pouco no final, abro para perguntas. Nada. OK, acabou. Não foi tão difícil.
Meio dia. Almoço. Mesmo lugar do ano passado.
Meio da tarde. Descubro que Kurt Vonnegut morreu ontem, aos 84 anos. Luto oficial.
Fim da tarde. Vamos embora. Passamos no cinema e assisitimos As Férias de Mr. Bean. Seria tolo, se não fosse tão engraçado.
Noite. Torradas de janta. Um pouco de enrolação. Cama.

Anúncios

0 Responses to “FISL 8.0 – Primeira parte”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: